Sincron inova com matérias-primas sustentáveis

Conheça a nossa nova linha, que colabora com a agenda ESG dos hospitais e outros estabelecimentos de saúde.

Recentemente, a Sincron apresentou a sua nova linha de produtos que utiliza materiais sustentáveis

E você sabia que, de acordo com o Panorama ESG 2024, houve um crescimento de 24 pontos percentuais em relação ao levantamento de 2023? Nos dias atuais, aproximadamente, 71% das empresas adotam práticas ambientais, sociais e de governança (ESG, na sigla em inglês). 

Claro que há muitos desafios pela frente, contudo, motivações não faltam para que mais marcas sigam esse padrão em prol do meio ambiente e da população mundial. 

Por aqui, desejamos inovar e impactar de forma positiva a vida de todos. Sendo assim, os nossos Sistemas de Chamadas de Enfermagem ganharam versões que são fabricadas com bambu e PLA (biopolímero ácido poliláctico). Para mais informações, continue a leitura.

A nova linha de produtos da Sincron, lançada na Hospitalar 2024, utiliza matérias-primas sustentáveis como bambu e PLA.
A nova linha de produtos da Sincron, lançada na Hospitalar 2024, utiliza matérias-primas sustentáveis como bambu e PLA. Foto: Divulgação/Sincron

Sincron: qualidade e sustentabilidade em forma de chamada de enfermagem

Há mais de 80 anos atuando no mercado de saúde, a nossa empresa não é apenas a pioneira nesse segmento de chamada de enfermagem, como é a primeira do mundo a utilizar essas matérias-primas neste tipo de equipamento.

O lançamento, que aconteceu no evento Hospitalar 2024, tem por objetivo contribuir para a agenda ESG dos hospitais e outros estabelecimentos da área. Afinal, essa solução oferece benefícios a essas instituições já que as mesmas, normalmente, optam por um equipamento sustentável e, consequentemente, que promovem o futuro “à nossa frente”. 

Falando nisso, Jacob Breur, nosso design de produtos, teve a ideia de fazer uso do bambu e do PLA na fabricação dos nossos sistemas de chamadas de enfermagem. Segundo o especialista, “o que é utilizado cresce rapidamente ou são 100% recicláveis”. Aliás, a Sincron, até o momento, tinha optado por plásticos baseados em combustíveis fósseis. 

Contudo, essa mudança para PLA, que é fabricado a partir da dextrose adquirida por fontes renováveis, como amido de milho, mandioca, beterraba ou cana de açúcar (a depender do local), não é somente um caminho mais consciente em termos sustentáveis, como também pensa no ambiente hospitalar, já que o filamento é Antiviral Protect.

As linhas de chamadas de enfermagem Master e Master Plus foram as primeiras a serem produzidas com matérias-primas sustentáveis.
As linhas de chamadas de enfermagem Master e Master Plus foram as primeiras a serem produzidas com matérias-primas sustentáveis. Foto: Divulgação/Sincron
Todos os produtos feitos com materiais sustentáveis possuem a mesma qualidade daqueles que são produzidos atualmente com matérias-primas tradicionais, como ABS com policarbonato.
Todos os produtos feitos com materiais sustentáveis possuem a mesma qualidade daqueles que são produzidos atualmente com matérias-primas tradicionais, como ABS com policarbonato. Foto: Divulgação/Sincron

“Isso significa que as aplicações de peças de uso de contato coletivo (botões, puxadores e etc), tem uma ação antiviral que reduz 99% de vírus envelopados ou não, incluindo a COVID-19. E, sim, o nosso produto é certificado de acordo com a ISO 21702-2019”, comenta Breur.  

Em relação ao bambu, é importante saber que ele absorve 5 vezes mais carbono e devolve 35% mais oxigênio à atmosfera. Outro ponto é que esse tipo de material possibilita uma aparência do equipamento mais amigável e caseira, sendo benéfico a lares de idosos, por exemplo. 

Sobre a Central da Chamada de Enfermagem, é válido informar que um conjunto de pernas (feita de ferro 100% reciclável), coloca o aparelho em uma posição ergonomicamente correta para o time de enfermagem, sem a necessidade de gastar mais plástico (filamento PLA) e mais tempo impressora 3D.

“Contribuir para vidas mais longas também é sinônimo de examinar minuciosamente todos os investimentos e dar prioridade a locais com pacientes que irradiam tranquilidade e não atmosferas frias”, explica o designer. 

Custos e outras opções

O lançamento em questão não terá valor superior ao que já comercializamos e a qualidade será a mesma. 

Por fim, as linhas, até o momento, que estão sendo fabricadas nessas novas versões são a Master Plus e a Master. Em breve, todas estarão disponíveis com os materiais mais sustentáveis. 

Dito isso, gestores e compradores ainda poderão adquirir as soluções do nosso catálogo feitas com materiais tradicionais, como aquelas em ABS com policarbonato.

Para obter mais informações e/ou conhecer de perto essa inovação da Sincron, visite o nosso showroom – que fica em São Paulo – ou entre em contato com um dos representantes ou fale com o time comercial.